Michael B. Jordan diz que Creed é "Definitivamente uma franquia"

 

So say we all

Michael B. Jordan, Quarteto Fantástico, declarou em entrevista que o filme Creed, estrelado por ele não se trata apenas de uma produção singular, mas sim de uma franquia.

Não é apenas um reboot, mas sim contar uma historia, mais um capitulo de um universo cheio de personagens marcantes chamado Rocky, que tem conquistado inúmeros fãs ao longo de mais de trés décadas.

Creed não é apenas um, com certeza é uma franquia, disse Michael B. Jordan. Quando perguntado a ele se gostaria de ver Creed se transformar em um épico, Rocky, com ate seis filmes ele concluiu: Você vai ver mais de Adonis.

Creed: Nascido para Lutar - Trailer Oficial 1 (leg) [HD]

Detalhes

Da Metro-Goldwyn-Mayer Pictures, Warner Bros. Pictures e New Line Cinema chega Creed: Nascido para Lutar, dirigido pelo premiado cineasta Ryan Coogler. O filme apresenta um novo capítulo da história de Rocky e é estrelado pelo indicado ao Oscar Sylvester Stallone, que retorna ao seu icônico personagem. O longa ainda reúne Coogler com seu astro de “Fruitvale Station: A Última Parada”, Michael B. Jordan, que interpreta o filho de Apollo Creed.
Adonis Johnson (Jordan) nunca conheceu seu famoso pai, o campeão mundial peso-pesado Apollo Creed, que morreu antes dele nascer. Ainda assim, é inegável que o boxe está em seu sangue, então Adonis vai para Philadelphia, o local da lendária luta de Apollo Creed contra um aguerrido novato chamado Rocky Balboa.
Já na Cidade do Amor Fraternal, Adonis encontra Rocky (Stallone) e pede para que ele seja seu treinador. Apesar de sua insistência em se afastar do mundo das lutas por bons motivos, Rocky enxerga em Adonis a força e a determinação que ele conheceu em Apollo - seu feroz rival que acabou se tornando seu melhor amigo. Concordando em ajuda-lo, Rocky treina o jovem lutador, mesmo que para isso o antigo campeão tenha que desafiar um oponente mais mortal do que qualquer um que ele já tenha enfrentado no ringue.
Com Rocky em seu corner, não demora muito para que Adonis tenha sua chance de disputar o título… mas será que ele pode desenvolver não somente o jeito, mas também o coração de um verdadeiro lutador a tempo de entrar no ringue?
Creed: Nascido para Lutar também é estrelado por Tessa Thompson (“Selma – Uma Luta pela Igualdade”, “Dear White People”) como Bianca, uma cantora e compositora local que se envolve com Adonis; Phylicia Rashad (“Flores de Aço” da Lifetime) como Mary Anne Creed, a viúva de Apollo; e o boxeador profissional inglês tricampeão peso-pesado da ABA, Anthony Bellew, como o campeão de boxe “Pretty” Ricky Conlan.
Coogler dirige a partir de um roteiro escrito por Aaron Covington, baseado nos personagens da série de filmes “Rocky” escritos por Sylvester Stallone. O filme é produzido por Robert Chartoff, Irwin Winkler, Charles Winkler, William Chartoff, David Winkler, Kevin King Templeton and Sylvester Stallone, com Nicholas Stern como produtor executivo.
Colaborando com Coogler estão a diretora de fotografia Maryse Alberti (“O Lutador”) e as figurinistas Antoniette Messam (“A Orfã”) e Emma Potter (“Song One”), bem como a sua equipe de “Fruitvale Station: A Última Parada”: os editores Michael P. Shawver e Claudia Castello; a designer de produção Hannah Beachler; e o compositor Ludwig Göransson.
Metro-Goldwyn-Mayer Pictures e Warner Bros. Pictures apresentam, em associação com a New Line Cinema, uma Produção Chartoff Winkler, Creed: Nascido para Lutar. Com estreia no Brasil prevista para 7 de janeiro de 2016. O longa será distribuído mundialmente pela Warner Bros. Pictures, uma empresa Warner Bros. Entertainment, e em territórios internacionais selecionados pela MGM, assim como a distribuição televisiva.

Fontes: 

Comicbook

Warner Bros. Pictures Brasil

 

 

Ton Gouveia

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.